Written by

O rei do terreiro

Sylvia Responde| Views: 21

Prezada Sylvia,

Eu não acho que seja problema, mas tanto me disseram que é, que resolvi pedir um conselho. Sou conhecido como Don Juan. Tenho várias mulheres, nunca ao mesmo tempo, sou fiel enquanto estou com uma. Mas o relacionamento não dura muito porque logo sou atraído por outra. As mulheres exercem imenso fascínio sobre mim, não consigo resistir. Não faço diferença entre feias ou bonitas, gordas ou magras, todas são interessantes. Se pudesse, amaria todas as mulheres do mundo. Você acha que isso é um problema? Otavio


Otavio,

Não seria um problema se não fosse para você, mas ao escrever à procura de um conselho, posso imaginar que tenha alguma inquietação. O que os outros dizem ressoa em você, em algum lugar.

Don Juan, figura conhecida por seduzir todas as mulheres, deixando atrás de si um rastro de infelicidade. Isso você não menciona, mas podemos imaginar que as mulheres com quem se relaciona devam sofrer ao serem substituídas por outras. Será que podemos concluir que talvez você não ame as mulheres, mas sim, precisa conquistar todas? Sabemos que a conquista é uma grande aventura, gera emoção, excitação, risco -, enfim, um jogo muito estimulante. Digo isso porque se amasse de verdade, você se preocuparia com a dor  que estaria causando a elas. Amar significa, entre outras coisas, cuidar, preocupar-se. Amor exige doação, paciência, capacidade de se colocar no lugar do outro, generosidade, enfim, ações que só fazemos quando amamos.

Não parece que isso esteja em suas cogitações. Talvez seja você que sinta a necessidade de ser amado, e ilusoriamente pensa que uma nova mulher vai amá-lo mais do que a anterior.

Talvez seja você que não suporte correr o risco de abandono, porque, sim, há sempre essa possibilidade. Quando o amor acaba, quando o interesse diminui, quando a excitação perde o encanto…

Quem sabe esteja procurando a segurança de ser sempre amado.  Você acha que vai conseguir essa garantia com uma mulher nova a cada vez?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *